FBF e clubes definem fórmula de disputa e regulamento do Baianão 2021

O Baianão 2021 começou, oficialmente, a ganhar forma nesta quinta-feira (17). A Federação Bahiana de Futebol realizou, na sede da entidade, a reunião do Conselho Técnico da Série A.

O evento contou com participação de dirigentes dos clubes (Atlético, Bahia, Bahia de Feira, Doce Mel, Fluminense de Feira, Jacuipense, Juazeirense, ECPP Vitória da Conquista, Vitória e UNIRB), que foram limitados a comparecer com dois representantes cada, para cumprimento do distanciamento e protocolo de segurança contra a Covid-19. O comando foi do presidente da FBF, Ricardo Lima, acompanhado do vice-presidente, Manfredo Lessa, e a diretora de competições, Taíse Galvão.

No local, os filiados definiram a fórmula de disputa da competição, que será a mesma utilizada em 2020. O estadual será disputado em três fases. A primeira, de classificação, com todos os dez clubes em um mesmo grupo e jogos apenas de ida. Já a segunda fase, semifinal, e a terceira, final, serão disputadas em jogos de ida e volta.

O acesso e rebaixamento foram decididos pelos próprios clubes, por meio de votação. Por sete votos a três, foi escolhido o rebaixamento de apenas um clube, o último colocado da fase de classificação. Com isso, ascenderá à Série A de 2022 apenas o campeão da Série B do Baianão 2021. A proposta da FBF foi de rebaixamento e acesso de dois clubes e recebeu votos apenas de Bahia, Vitória e UNIRB.

Os critérios de desempate também seguirão os mesmos: 1) Maior número de vitórias; 2) Maior saldo de gols; 3 Maior número de gols marcados; 4) Maior número de pontos ganhos no confronto direto; 5) Maior saldo de gols no confronto direto; 6) Menor número de cartões vermelhos recebidos pelos atletas integrantes de cada Associação ao longo da competição; 7) Menor número de cartões amarelos recebidos pelos atletas integrantes de cada Associação ao longo da competição; 8) Sorteio.

Copa do Brasil - Terão direito à 1ª, 2ª e 3ª vagas da Copa do Brasil 2022 o campeão, vice-campeão e 3º colocado do campeonato, respectivamente.

Copa do Nordeste - Terá direito a 1ª vaga da Copa do Nordeste 2022 o campeão do Baianão 2021. A 2ª vaga será do clube mais bem posicionado do Estado no Ranking Nacional de Clubes da CBF. Já a 3ª vaga, para a disputa da Pré-Copa do Nordeste, será do clube que tiver a melhor colocação no estadual, excluindo os detentores da 1ª e 2ª vagas. Caso o clube da 1ª vaga não esteja disputando as Séries A ou B do Brasileirão, a 3ª vaga será destinada ao clube com a segunda melhor colocação no Ranking Nacional de Clubes da CBF.

Série D do Brasileirão - As equipes melhores colocadas do Baianão 2021, desde que não sejam integrantes das outras séries do Campeonato Brasileiro, terão direito às duas primeiras vagas na Série D de 2022. Já a terceira vaga será destinada à equipe campeã de uma competição a ser realizada pela FBF no segundo semestre de 2021. Caso não aconteça a competição, a terceira vaga também será destinada ao Baianão.

Protocolos - Os protocolos de imprensa e segurança seguirão a Diretriz Técnica Operacional e o Guia Médico da CBF.

Transmissão - A FBF segue em negociação com emissoras de TV para a transmissão dos jogos do campeonato. A escolhida será divulgada posteriormente. 

A Série A do Baianão 2021 será disputada entre 21 de fevereiro e 23 de maio. A competição terá 13 datas e cada clube fará nove jogos na 1ª fase. 

Os detalhes do Baianão Sub-20 2021 serão definidos em conselho técnico específico da competição.

Confira abaixo a tabela básica, regulamento e plano de ação do Baianão 2021:

Regulamento

Tabela básica

Plano de Ação

*A tabela detalhada será divulgada após a escolha da emissora detentora dos direitos de transmissão da competição e a definição de datas de outras competições.