Bahia é campeão baiano infantil de 2018

Por Edmilson Ferreira - Comunicação FBF, 30 de Nov 2018 - 17h25

Na decisão do Campeonato Baiano da categoria Infantil, nesta sexta-feira (30) à tarde, no Estádio do Barradão, o Vitória derrotou o Bahia no tempo normal, por 2 a 1, levando a decisão para os pênaltis, já que no primeiro jogo o Tricolor ganhou por 1 a 0. E nas cobranças de tiros livres da marca do pênalti, o Esquadrão de Aço levou a melhor e venceu por 4 a 2, conquistando o título estadual de 2018.

O presidente da Federação Bahiana de Futebol (FBF), Ednaldo Rodrigues, e o vice Ricardo Lima, que assume a presidência da entidade em 16 de janeiro de 2019, entregaram as medalhas e o troféu de campeão baiano Infantil 2018 para os jogadores e membros da comissão técnica do Bahia. O capitão Erick ergueu a taça e os tricolores fizeram a festa no Barradão.
 
"Graças a Deus fui feliz mais uma vez em ajudar a equipe a conquistar esse importante título. Sobre a convocação para a Seleção Brasileira Sub-15, eu estava almoçando quando soube da notícia. Vou procurar aproveitar bem essa chance", falou o meio-campo Allyson, do Bahia. "Uma boa formação aliada à conquista de títulos é sempre bem-vinda", comemorou o vice-presidente do Bahia, Vítor Ferraz.

No primeiro tempo, o Vitória chegou ao gol logo a 2 minutos de bola rolando. Rian Lucas cobrou falta na área e Cauê cabeceou a bola no canto esquerdo de Ronaldo. Mas o Rubro-Negro nem teve muito tempo para comemorar, pois aos 15 minutos o Bahia fez o gol de empate. Allyson, que nesta sexta-feira (30) foi convocado para a Seleção Brasileira Sub-15, acertou o canto esquerdo do goleiro Dhiogo: 1x1.
 
EMOÇÃO – Na volta para o segundo tempo, o técnico Adolfo Teles fez duas alterações no Vitória, colocando Erick e Robert nos lugares de Riquelme e Gabriel, respectivamente. E o Leão desempatou em outro lance de bola parada. Rian Lucas cobrou falta no ângulo direito de Ronaldo, sem defesa para o goleiro tricolor.
 
Com 2 a 1 favorável ao Vitória, no placar agregado ficou 2 a 2. E a decisão foi para a cobrança de tiros livres da marca do pênalti. O tricolor Luan e rubro-negro Rian Lucas perderam as primeiras cobranças. Allyson, André e  Gabriel converteram para o Bahia. Wenderson e Denzel também marcaram para o Vitória, mas Ronaldo pegou a cobrança de Robert. E João Pedro, que havia feito o gol da vitória em Pituaçu, foi feliz e deu o título para o Tricolor.

 

O Bahia computou 31 pontos, em 13 jogos, sob o comando do técnico Rafael Alan. O artilheiro da competição estadual foi João Victor, do Bahia de Feira, com 10 gols. Já o Vitória do técnico Adolfo Teles também fez 31 pontos, em 12 jogos.
 
EXCLUSIVO – A TV FBF transmitiu a partida ao vivo, com exclusividade. A narração foi de Luís Victa, com comentários de Antônio Tillemont, reportagens de Marinho Júnior (Bahia) e Marcelo Góis (Vitória). As imagens foram de Lucimário Ribeiro, com produção de Haroldo Mattos e Felipe Alves.
 
FICHA TÉCNICA
 
Vitória  2x1  Bahia (nos pênaltis 2x4)
Local: Barradão.
Gols: Rian Lucas, aos 2 minutos do 1º Tempo e aos 10 do 2º Tempo para o Vitória. Allyson, aos 15 minutos do 1º Tempo, para o Bahia.
Vitória: Dhiogo, Vinícius, Aisley, Cauê e Renato (Denzel); Kleyton, Wenderson e Alisson; Rian Lucas, Riquelme (Erick) e Gabriel (Robert). Técnico: Adolfo Teles.
Bahia: Ronaldo, Allan, Kayk, Silvano e Gabriel; Luan, Allyson, João Pedro e Liedson; Daniel (Rodrigo) e Pedro (André). Técnico: Rafael Alan.
Árbitro: Josué Reis de Jesus Júnior.
Assistentes: Carlerranzy Silva de Carvalho e Saulo Moreira dos Santos.
Cartões amarelos: Vinícius (V), Kayk e Liedson (B).

Fotos: Sílvio Mendes Júnior / FBF e Maurícia Matta / ECVitória
 
Confira aqui a galeria de fotos:

Galeria




 

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

ENCONTRE-NOS NO FACEBOOK

SIGA-NOS NO TWITTER

ENQUETE